25.1 C
Cachoeira do Sul
3 de março de 2024
Diocese de Cachoeira do Sul

Seminário Bom Pastor

SEMINÁRIO MAIOR INTERDIOCESANO

BOM PASTOR

ETAPA DA FILOSOFIA E TEOLOGIA

R. Irmão Donato, 190 – Nossa Sra. de Lourdes, Santa Maria – RS, 97050-300

REITOR

 

SEMINARISTAS – ETAPA DA TEOLOGIA (CONFIGURAÇÃO)

1° Fabrício Ferreira dos Santos – 1° ano de Teologia

2° Eric Oliveira Bitencourtt – 4° ano de Filosofia

ASPECTOS FORMATIVOS

1- O Seminário Interdiocesano Bom Pastor, com sede no município de Santa Maria, foi instituído pelos Bispos da província eclesiástica de Santa Maria, e pelo presbitério para a formação sacerdotal dos seminaristas maiores, onde cursam Filosofia e Teologia na FAPAS – Faculdade Palotina.

2- A Formação neste Seminário orientam-se pelos Documentos do Concílio Vaticano II (Presbyterorum Ordinis, Optatam Totius), pelas disposições do Código do Direito Canônico (cc.232-264), do Sumo Pontífice (Exortação Apostólica: Pastores Dabo Vobis), na Sede Apostólica (sobretudo na Ratio Fundamentalis Instutionis Sacerdotalis e outros documentos da Congregação para a Educação Católica), Documento de Aparecida, Diretrizes da Ação Evangelizadora e pelas Disposições da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (Formação de Presbíteros na Igreja do Brasil).

3- A Formação Sacerdotal está alicerçada em cinco pilares formativos: Humano-afetivo; Espiritual; Pastoral; Intelectual e Comunitária, englobando os aspectos morais e éticos vividos nos dia-a-dia. Enfim, a formação é para que cada seminarista aprofunde a consciência de sua vocação religiosa, através do discernimento vocacional, cresça no amor, na esperança, na fé e no seguimento de Jesus Cristo.

4- Iniciado em 2023 o Seminário Interdiocesano Bom Pastor, acolhe no mesmo ambiente de formação, seminaristas de seis  dioceses: Santa Cruz do Sul; Cachoeira do Sul; Santa Maria; Cruz Alta, Santo Ângelo e Uruguaiana. Daí o nome Interdiocesano. Neste mesmo ano, assumiram a formação dos seminaristas, os padres: Marcelo Carlesso, diocese de Santa Cruz do Sul; Marcos Rogério Denardi, diocese de Cruz Alta; e Mário Benachio Auzani, diocese de Uruguaiana.

5- Em 2024, uma nova conjuntura foi pensada para a formação dos futuros presbíteros da província eclesiástica. A Compania dos Padres de São Sulpício, fundada em Paris em 1641, acolheu o pedido dos bispos para instalarem-se no seminário maior e ali conduzirem o processo formativo dos candidatos ao sacerdócio. Assim sendo, em Janeiro do corrente ano, assumiu como reitor o Argentino, pe. Francisco Vergara Ravier, e como formadores, pe. Paulo Sérgio Silva; da diocese de Crato – CE, pe. Victor; da Colômbia, e pe. Mário Auzani, da diocese de Uruguaiana, como ecônomo. Do mesmo modo, dom Edson Batista de Mello, da diocese de Cachoeira do Sul, assume como bispo referencial para a formação na província.

 

 

Artigos relacionados