Free WordPress Themes
Cachoeira do Sul ,Segunda-Feira 23 de Outubro de 2017

O Seguimento de Jesus

O SEGUIMENTO DE JESUS

 

Quando reflito sobre o “Seguimento Radical de Jesus” me deparo com este Evangelho de São Lucas 9,57-62 que me faz aprofundar o que seja este seguimento:

“Enquanto estavam caminhando, alguém na estrada disse a Jesus: ‘Eu te seguirei para onde quer que fores. Jesus lhe respondeu: “As raposas têm tocas e os pássaros têm ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde repousar a cabeça`”. Jesus disse a outro: “Segue-me”. Ele respondeu: “Deixa-me primeiro ir enterrar meu pai”. Jesus respondeu: “Deixa que os mortos enterrem os seus mortos; mas tu, vai anunciar o Reino de Deus”. Um outro ainda lhe disse: “Eu te seguirei, Senhor, mas deixa-me primeiro despedir-me dos meus familiares”. Jesus, porém, respondeu-lhe: “Quem põe a mão no arado e olha para trás, não está apto para o Reino de Deus”.

A insistência de Jesus, ao requisito “deixar tudo”, se manifestou de muitos modos: Chamou os primeiros discípulos que deixaram suas barcas e familiares, convocou Mateus que abandonou sua coletoria e formalizou um convite ao Jovem Rico: “Vai vende tudo o que tens e segue-me”. E disse muito mais: “Quem quiser ser meu discípulo, tome sua cruz e me siga!”.

Discípulos eram chamados os que caminhavam seguindo os filósofos gregos, ao redor do templo, ouvindo e assimilando silogismos e reflexões. Seguidores de Jesus, também são discípulos, quando repisam seus passos, assimilando seus ensinamentos e repetindo, nas suas vidas, o modo de viver do Mestre.

A missão do discípulo é fazer às vezes do Mestre. É necessário que o Rosto do Cristo esteja estampado no rosto do seguidor. Pelo conhecimento da vida do Senhor e sua imitação é formalizada a vocação do discípulo.

wordpress